English | Sobre nós | Eventos | Downloads

 

Comunidade Portuguesa de Segurança da Informação
Information Security Community Portugal




Espionagem industrial ou competitive intelligence

No mundo em que o time-to-market (tempo entre a ideia do produto e o seu lançamento no mercado) é cada vez mais reduzido, uma empresa que conheça “atempadamente” as características e preços de produtos ou serviços que serão lançados pela sua concorrência deterá uma clara vantagem competitiva sobre os restantes players do mercado.

Um exemplo óbvio de time-to-market encontra-se no mercado das telecomunicações móveis. Veja-se o que aconteceu com o recente lançamento do tarifário fixo para acesso Internet por UMTS: a Optimus lançou em 20 de Setembro o seu produto Kanguru, a TMN em 13 de Outubro responde, duas semanas depois, com o seu Acesso Giga, enquanto a Vodafone reajusta em Outubro o seu produto Vodafone Mobile Connect Card 3G aos novos preços praticados pela concorrência.

Neste contexto, onde o time-to-market é praticamente 2 semanas ou até menos, assume particular importância o timing em que se conhece o que a concorrência vai fazer. É com base nestas premissas que se têm desenvolvido a área de competitive intelligence nas empresas portuguesas de produtos e serviço de grande consumo.

Estes profissionais geralmente com formação em Marketing são incumbidos de criarem uma rede de recolha de informação relevante sobre a concorrência. Recentemente foi divulgado uma pós-graduação destinada a estes “analistas de informações” na
Universidade Independente.

Registe-se que o competitive intelligence não pode ver visto como uma ameaça à protecção da informação de negócio, pois esta actividade de marketing recorre unicamente unicamente a métodos lícitos para recolha de informação.



Labels:

Data 22.11.05

0 Comments:

Post a Comment

<< Início